Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Vida

Passeio Verde: aventura e muitas surpresas no Trilho das Bruxas

  • 333

Trilho das Bruxas

Jorge Coelho / Gerês Viver Turismo

Adeptos de emoções fortes? Aqui está um programa pensado para os mais audazes. Ainda na “ressaca” do Halloween, realiza-se pelo sexto ano, a caminhada “Trilho das Bruxas”, já em território do Parque Nacional da Peneda-Gerês.

Organizado pela associação empresarial Gerês Viver Turismo, com o apoio da Câmara Municipal de Terras de Bouro, o Trilho das Bruxas já ganhou estatuto de tradição. Trata-se de um percurso noturno, com cerca de quatro quilómetros e um grau de dificuldade médio. Deveria ter acontecido no passado dia 2, mas devido ao mau tempo, foi adiado para este sábado, dia 9 de novembro.

A caminhada começa às 18h30 na capela da aldeia de Ermida, em Terras do Bouro, e, apesar de ser supostamente assustadora, promete diversão. Junto à “partida” encontra-se a “Feirinha das Bruxas”, onde podem ser encontrados vários produtos, incluindo petiscos e bebidas.

A caminhada não tem guia, é feita de forma autónoma, mas, de quando em quando, existem pontos estratégicos onde se encontram elementos da organização a dar orientações. Em grupo ou sozinhos, os participantes neste assustador passeio, vão garantidamente ser confrontados com diversas e inesperadas surpresas.

Como o circuito é circular, no regresso, cerca de duas horas depois, os participantes são recebidos com o esconjuro:

"Mochos, corujas, sapos e bruxas.

Demónios, trasgos e diabos,

espíritos das enevoadas veigas.

Corvos, pitingas e meigas:

feitiços das mezinheiras.

Podres canhotas furadas,

lar dos vermes e alimárias.

Fogo das Santas Companhas,

mau-olhado, negros feitiços,

cheiro dos mortos, trovões e raios.

Uivar do cão, pregão da morte;

focinho do sátiro e pé do coelho.

(...)

Ouvi, ouvi! os rugidos

que dão as que não podem

deixar de se queimar na aguardente

ficando assim purificadas.

E quando esta beberagem

baixe pelas nossas goelas,

ficaremos livres dos males

da nossa alma e de feitiço todo.

Forças do ar, terra, mar e fogo,

a vós faço esta chamada:

se é verdade que tendes mais poder

que a humanas pessoas,

aqui e agora, fazei que os espíritos

dos amigos que estão fora,

participem connosco desta Queimada"

De seguida, aos resistentes é-lhes oferecida a típica queimada (galega), uma bebida feita com aguardente e açúcar queimado, aos quais é adicionada casca de limão ou laranja, pedaços de pera e maçã e grãos de café.

Ainda se pode inscrever para o Trilho das Bruxas através da página da Gerês Viver Turismo. O valor da participação é de €5,50. Se quiser provar o Caldo do Pote servido no final, o preço é de €8.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!