Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Vida

Passeio verde: Festival de natureza e paisagem para ver a serra com outros olhos

  • 333

@Fotos: Filipe Patrocínio - Geopark Estrela

Não faltam motivos de interesse para partir à descoberta da Serra da Estrela e a II Edição do ObservaEstrela apresenta uma mão cheia deles. Entre 28 e 30 de junho há exposições, saídas de campo, palestras e muita animação no Parque da Ribeira, em Gouveia. É este o ponto de partida para (re)descobrir paisagens, locais, natureza e tradições deste lado da serra.

O Observa Estrela tem início sexta-feira, 28, pelas 14h00, com diversos workshops dedicados à natureza ministrados por associações como o Geopark Estrela, a Associação Portuguesa de Gestão Ambiental, o Parque Biológico da Lousã ou o Geopark Arouca. Pelas 21h00 faz-se ouvir Joana Espadinha.

O dia seguinte, sábado, 29, começa bem cedo com um passeio cultural e fotográfico pela cidade acompanhado por Joel Correia e Filipe Patrocínio, a partir das 8h30. Limitado a 15 participantes, requer inscrição prévia através do email: info@geoparkestrela.pt. Entre as 9h00 e as 13h00 decorre, no recinto do Festival de Ecologia, o Ecomarket, Agroecologia para todos. Já a tarde é dominada por palestras em torno de diversas ofertas turísticas ligadas à natureza e programas que visam a sua conservação. À noite, pelas 21h00, atuam ranchos folclóricos locais.

Domingo, 30, pelas 8h30 há duas saídas de campo (inscrição obrigatória através do email: info@geoparkestrela.pt): uma dedicada à geodiversidade do Geopark Estrela; outra à descoberta da Avifauna local. Depois do passeio, quem ainda tiver energia pode participar, pelas 11h00, numa aula de zumba. O último dia da feira prossegue com palestras sobre a naturea, a vida selvagem, a sua preservação e abertura ao turismo e termina com a atuação do Orfeão de Gouveia, pelas 18h00.
Paralelamente, durante os três dias do evento conte com animação infantil, exposições de fotografia dedicadas ao Geopark Estrela, mostra de artes e ofícios regionais e ainda um espaço de street food.

O Festival de Natureza e Paisagem tem entrada livre, mas algumas atividades exigem inscrição prévia. Consulte o programa completo na página de Facebook do ObservaEstrela.

O que fazer:

Para além de desbravar novos caminhos pela Serra da Estrela, aproveite a visita para ficar a conhecer a arte do mais famoso pintor natural da terra no Museu Municipal de Arte Moderna Abel Manta, instalado no bonito solar dos Condes de Vinhó (Rua Direita, 45, Gouveia. Tel. 238493648). Além do artista, o espaço alberga peças de pintura, desenho, escultura e gravura de artistas plásticos do século XX português. Único no seu género em Portugal, o Museu da Miniatura Automóvel (Rua Museu Abel Manta. Tel. 238496169) oferece uma panorâmica sobre a evolução histórica do automóvel, os ralis, veículos presidenciais e papais através de cerca de quatro mil miniaturas. Outra das "viagens" que pode fazer em Gouveia é pela literatura. O roteiro literário Virgílio Ferreira convida a desbravar os locais de referência que marcaram a relação de Vergílio Ferreira com Melo, a sua aldeia natal, num percurso acompanhado por excertos de textos do escritor. O itinerário acompanhado é gratuito mas requer reserva prévia junto da Biblioteca Municipal (de onde parte a visita) com pelo menos 15 dias de antecedência (Tel. 238490230). Se preferir continuar na senda da natureza, não deixe de visitar o Parque Ecológico de Gouveia (Quinta da Borrachota, EN 330, Gouveia. Tel. 238083930) onde habitam espécies autóctones e outras exóticas, como o javali, a raposa, os gamos, os veados, mas também aves e répteis, em seis hectares verdes.

Onde comer:

Lá em Casa
É uma referência na região, localizado onde começa o Parque Natural da Serra da Estrela. Curiosamente, e dada a localização, o prato mais emblemático é um crepe de camarão. Esta proposta, símbolo do Lá em Casa (Avenida D. Manuel I, Gouveia. Tel. 238491983), é sempre a mais pedida pelos residentes. Quem vem de fora à procura de neve, alegria e diversão prefere os enchidos e o lombinho de porco recheado com queijo de ovelha e molho de morcela ou o polvo grelhado e carne barrosã. A carta apresenta cabrito e borrego de leite aos domingos ou por encomenda. Preço médio: €15

Restaurante Madre de Água
A máxima utilização dos produtos produzidos na propriedade, como é o caso dos vinhos, é o mote para a construção da carta do Restaurante Madre de Água (Madre de Água Hotel Rural, Quinta Madre de Água, Vinhó. Tel. 238490500), respeitando sempre a sazonalidade de cada ingrediente. O resultado é a transformação de receitas clássicas em propostas de autor, onde o bacalhau e a carne bovina de produtores da região assumem natural destaque. Prove ainda os queijos que são produzidos muito perto deste restaurante. Preço médio: €25

Onde dormir:

Vale do Rossim Eco Resort
Prolongar a ligação à natureza durante a estadia é recomendável e para isso nada melhor que ficar alojado neste resort que promove um conceito distinto e original. O objetivo é permitir aos visitantes desfrutar da beleza natural da Serra da Estrela, combinando conforto, conveniência e a já conhecida hospitalidade serrana. No Vale do Rossim Eco Resort. (Vale do Rossim, Gouveia. Tel. 275981029) uma opção de alojamento são as singulares "Yurts", um alojamento entre a tenda e a cabana que tem tudo de original e acolhedor. Yurt Natura desde €80.

Madre de Água Hotel Rural
Referir apenas os 10 quartos, todos de um branco imaculado e com varandas viradas para a piscina, e dizer que a equipa é atenciosa e que o restaurante é o palco perfeito para provar o melhor da região é pouco. Porque o Madre de Água Hotel Rural ( Quinta Madre de Água, Vinhó. Tel. 238490500) é muito mais do que um hotel. É uma quinta funcional, onde há vinhas a perder de vista, olivais e muitos animais, que irão fazer as delícias dos visitantes. Visite a queijaria e prove os queijos. Passe pelo picadeiro e deixe-se surpreender com os cavalos criados na propriedade. Quarto duplo desde €120.

Este artigo contou com o apoio do Turismo do Centro do Portugal