Boa Mesa

Antes da abertura do novo restaurante de autor, Ritz Lisboa apresenta Brunch Privado

DR

O icónico hotel lisboeta aproveitou o encerramento forçado devido à pandemia de covid-19 para se adaptar às novas exigências, renovar os quartos e afinar o novo restaurante, que deve abrir ainda em setembro

“Até o Ritz! Covid-19 obriga ao encerramento temporário do mais luxuoso hotel de Lisboa”. Este foi o título da notícia publicada a 23 de março, que previa a reabertura do Ritz Lisboa para maio. Os meses passaram e foi apenas no passado dia 1 de agosto que as portas se voltaram a abrir. O icónico hotel lisboeta aproveitou o encerramento forçado devido à pandemia para se adaptar às novas exigências, renovar os quartos e afinar o novo restaurante, que deve abrir ainda em setembro. De nome Cura, o novo espaço gastronómico promete surpreender e está a cargo de Pedro Pena Bastos, um dos nomes mais seguros da nova geração de cozinheiros portugueses. O chef, que ganhou notoriedade no Esporão, no Alentejo, e ganhou asas no projeto Ceia, em Lisboa, promete, nas redes sociais, que “em breve”, o novo restaurante vai começar a aceitar reservas.

Ver Instagram

Enquanto não é anunciada data oficial de inauguração do restaurante, o Ritz Four Seasons Hotel Lisboa, que ostenta uma Chave de Platina, do guia Boa Cama Boa Mesa, tem apostado na adaptação de vários clássicos da oferta gastronómica, com destaque para o já famoso brunch (ao fim de semana), que agora ganha nova vida, ao transformar-se em “brunch privado”. A estreia, no passado sábado, 22 de agosto, foi “um sucesso”, garantem os responsáveis do hotel. O anuncio foi feito nas redes sociais do hotel: “O nosso Brunch está de volta como nunca antes! Prepare-se para uma nova experiência de Brunch Privado... Cada mesa terá direito a uma variada mesa de brunch repleta de tudo o que possa desejar... Só para si! Instale-se enquanto desfruta da vista para o parque Eduardo VII e saboreie esta nova experiência de Brunch pela manhã ou tarde adentro...” Ou seja, entre as 12h30 e as 16h00, na bonita e ampla sala do restaurante Varanda.

Servido em cada mesa, o Brunch Privado inclui desde sumos naturais, incluindo detox, queijos variados, regionais e internacionais, uma trilogia de rissóis, pastéis de bacalhau e chamuças, ostras, ceviche, salmão curado e fumado, camarões marinados entre outros frutos do mar. O brunch também inclui várias saladas e muitas sobremesas, dos macarrons aos mini éclaires e sem esquecer os famosos mil-folhas de framboesa, um doce de assinatura da pastelaria do Ritz, liderada pelo chef Fabian Nguyen. Para complementar toda a oferta levada a cada mesa, o Brunch Privado ainda dispõe de duas estações, uma dedicada aos pratos asiáticos, entre sushi e sashimi, passando pela sopa miso e as cada vez mais procuradas poké bowls, e uma outra para grelhados: peixe, marisco, carnes marinadas, vegetais grelhados e opções mais exóticas. Para terminar, existe ainda um carrinho de gelados artesanais, chocolate Valrhona e profiteroles. O valor do Brunch Privado é de €78, por pessoa.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e no Twitter!