Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Mesa

Da Ericeira ao Guincho: restaurantes para estar junto ao mar quando o sol aquece

Da Ericeira, terra em que o mar é sempre novo, ao revigorante Guincho, passando pelos areais misteriosos de Sintra, aproveite as propostas do Boa Cama Boa Mesa para repor energias enquanto saboreia o peixe e o marisco da costa portuguesa ou toma uma bebida a olhar o imenso azul do oceano.

Bar do Guincho
Parece impossível, mas a verdade é que já lá vão mais de 30 anos! O Bar do Guincho (Estrada do Abano, 547, Guincho Tel. 214 871 683) nasceu em 1987 e sempre foi um dos principais templos da celebração do pôr--do-sol. A esplanada, com várias secções, oferece resguardos contra o famoso vento, que tanta alegria dá a quem pratica desportos mais radicais, antes o windsurf, hoje o kitesurf. A partir do bar (não existe serviço de mesa), cada um segue o seu gosto, entre uma cerveja ou um gin, ou a vasta carta de snacks, com cerca de uma dezena de saladas, tostas diversas, hambúrgueres e sandes, para não desperdiçar o dia de praia. Pode também optar pela lista de petiscos, com destaque para as amêijoas à Guincho ou o mexilhão à marinheiro. Nos dias frios, resguarde-se no interior do edifício de madeira, dominado pela aconchegante lareira. Preço médio: €20.

Esplanada Furnas
A localização é genial: sobre os rochedos, entre a vila e o mar! À entrada da Esplanada Furnas (Rua das Furnas, 2, Ericeira Tel.261864870), escolha os mariscos ou os peixes do dia. A mesa fica tão perto do mar que, em dias agrestes, salpicam-se os vidros. A gerência comprou um velho veleiro e decorou o restaurante com as vigias e o leme, como se estivéssemos num barco. Prove a “Salada de ovas”, ou ouriços-do-mar, até chegar o peixe fresco grelhado (com batata cozida) ou o marisco. Sinta-se a “navegar” com a “Tarte de maçã quente com canela e gelado de baunilha”. Preço médio: €25



Sul
A gastronomia, aqui, já foi mais “atrevida”. O Chef João Paulo Rodrigues é um criativo por natureza, aprecia o efeito surpresa, mas a experiência aproximou o restaurante da vertente mais tradicional. A espaços, mantêm-se no Sul (Parque de Santa Marta, Ericeira Tel. 261864478) detalhes de autor e algumas “brincadeiras” pelo meio. Por exemplo, a “Canja de robalo”, ou berbigão, e, nas sobremesas, a “Bolacha com creme de arroz-doce”. Peça a “Sopa rica do mar” e o “Carpaccio de bacalhau”. O peixe fresco grelhado e os mariscos dominam os principais. Pergunte pelo “Risoto de ouriços-do-mar”. Preço médio: €35

Restaurante da Adraga
A marca é bonita e digna de registo: o Restaurante da Adraga (Praia da Adraga, Almoçageme Tel. 219280028) está há quatro gerações na mesma família, e assim deve continuar. A máxima sempre foi servir bem e assegurar a qualidade e frescura do pescado, a grande especialidade desta casa. Espreite o mar e a praia à janela, os elementos marítimos na decoração, o aquário de mariscos... e siga para as entradas. Há canilhas e percebes para se entreter enquanto não surgem os peixes frescos grelhados e ainda as excelentes as “Amêijoas à Dona Suzette”. Escolha um bom vinho para acompanhar. Preço médio: €25

Restaurante Piscina Azenhas do Mar
Quando decidir ir ao Restaurante Piscina Azenhas do Mar (Piscinas das Azenhas do Mar, Azenhas do Mar Tel. 219280739), prepare-se para uma vista realmente deslumbrante. Sobre a praia, as piscinas e o oceano. Mesmo de noite. Gastronomicamente, encontra um “casamento” entre os pratos tradicionais e as criações menos óbvias, mas igualmente saborosas. A frescura das ostras e percebes são sempre boas introduções. Depois, poderá optar, por exemplo, pela açorda de marisco ou então por um dos risotos. Para dois, tem as cataplanas de peixe, polvo ou lagosta com amêijoas. Preço médio: €35


Mar do Inferno
Cascais Há muito que a Boca do Inferno se celebrizou. Pela beleza das ondas, indo de encontro aos rochedos, por ter sido cenário de encenações literárias e devido a este restaurante, com nome infernal, mas onde se chega ao céu à mesa! A qualidade do peixe e marisco tornou-o obrigatório. No verão, a esplanada do Mar do Inferno (Avenida Rei Humberto II de Itália, Cascais Tel. 214832218) enche facilmente, sobretudo ao fim-de-semana. Inicie com as bruxas de Cascais ou as ostras e prossiga com um peixe fresco ao sal ou grelhado. Alternativas na lagosta, lavagante e santola ou numa boa mariscada, para partilhar. Preço médio: €35

Furnas do Guincho
No início da mítica Estrada do Guincho encontra-se um restaurante também ele de outro mundo. Pelo menos das janelas e das esplanadas consegue imaginar-se o mundo a seguir ao azul do oceano. À mesa do Furnas do Guincho (Avenida Nossa Senhora do Cabo, 1265, Guincho Tel. 214869243) vêm parar os melhores peixes frescos e os mariscos que deram fama a este espaço. Peixe ao sal e peixe no forno variados, paelha de marisco, caldeirada à Furnas, cataplana de polvo com batata-doce são especialidades. Os mexilhões e as amêijoas, a sapateira e a lagosta existem para o fazer feliz, de preferência na magnífica esplanada. Preço médio: €35



Porto Santa Maria
Depois de uma fase de remodelação e renovação, mantêm-se os clássicos de peixe e marisco naquele que é um restaurante rodeado por um cenário idílico de vista total sobre o mar. O serviço de sala é irrepreensível bem como a carta de vinhos, com verdadeiros tesouros históricos guardados na cave. As instalações do Porto Santa Maria (Estrada do Guincho, Guincho Tel. 214879450) incluem, também no piso inferior, viveiros para que o marisco chegue à mesa com a máxima frescura. Para além das “Mariscadas”, o “Robalo ao sal”, ou ao pão, ou o “Lavagante grelhado” são incontornáveis da ementa. Criado em 1947, tem um visual mais atual e sofisticado aos 73 anos de idade. Preço médio €60

Este texto foi originalmente publicado na edição do Expresso Diário de dia 6 de fevereiro.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e no Twitter!