Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Mesa

Amada ou odiada, na Figueira da Foz há um festival dedicado à Raia

  • 333

Luis Brandao

Peixe muito apreciado pelos portugueses (mas também quase odiado por outros tantos), a raia é uma das várias espécies pescadas na costa da Figueira da Foz e que faz parte da cultura gastronomica da região. Por essa razão, a Associação Figueira com Sabor a Mar, promove na cidade o Festival da Raia. O evento está integrado numa iniciativa anual, que inlcui outros certames dedicados ao peixe, que animam os restaurantes da Figueira da Foz.

Nove restaurante do concelho da Figueira da Foz integram o Festoval da Raia: o Caçarola 1, Caçarola Dois, Adega da Quinta, Dory Negro, Marégrafo, Casa Marquinhas, Lota Nova, Casa Mota e Aldente. Para além de alguma inovação gastronómica surpresa que algum destes estabelecimentos possa oferecer, os pratos escolhidos são três, os mais emblemáticos da terra: Raia de Pitau, Raia Enxambrada com batata a murro e Raia Alhada. Cada prato custa €13,50. O vinho escolhido para acompanhar as especialidades gastronómicas é do Douro, com rótulo da associação organizadora do festival.

A Figueira da Foz, na região Centro do país, tem um longo historial nos festivais de peixe realizados no nosso país. Aliás, foi na cidade que aconteceu o 1.º festival do género no país, corria o ano de 1978. Quatro anos depois, em 1982, realizava-se o 2.º Festival do Peixe, integrado nas comemorações do 1.º centenário da elevação da Figueira da Foz a cidade. Desde essa altura que o evento começou a decorrer com regularidade e em vários formatos, como por exemplo, “Os Peixes da Nossa Costa”, uma iniciativa promovida no período da Quaresma, muito procurada por espanhóis, desejosos por se deliciarem com petiscos como petingas, jaquinzinhos, pastas de sardinha, polvo, marmotas, faneca, petinga, raia, solha, chocos, cação, cavala, choquinhos, ovas e muitos outros.

Com o passar dos anos o certame foi-se modernizando, procurando sempre a inovação. Tal como tem acontecido nas últimas edições, em 2019 são seis os festivais de peixe que procuram dar vida à restauração local. Este ano já se realizaram o Festival da Lampreia e Sável, o Festival do Polvo e o Festival das Caldeiradas. Depois do Festival da Raia, de 6 a 15 de setembro, seguem-se o Festival de Búzios, de 4 a 13 de outubro e o Festival do Bacalhau, entre os dias 22 e 30 de novembro.

Durante anos era um grupo de amigos da arte de bem comer que promovia estes festivais. A partir de 2011 constituiu-se a Associação Figueira Sabor a Mar (que engloba empresários de restauração, pastelarias, bares, hotelaria e similares), que começou a promover estas e outras iniciativas que dinamizam o sector.

Os doces são um dos grandes investimentos da Associação, que aposta fortemente na divulgação das suas Brisas da Figueira, Ovos de Gaivota, Sardinhas Doces, Enguias Doces e Flor de Sal, entre outras guloseimas.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!