Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Mesa

Largo do Paço: os novos “caminhos” de Tiago Bonito

Há novidades para os lados de Amarante. O restaurante Largo do Paço, na magnífica Casa da Calçada, tem uma nova carta. Pensada para a estação que parece teimar em se impor, volta a mostrar a excelência e a criatividade do chefe Tiago Bonito, vencedor de um Garfo de Prata na edição 2019 do Guia Boa Cama Boa Mesa e de uma Estrela Michelin. É composta por dois menus de degustação, o “Caminhos” e o “Identidade”, e cada um tem um propósito bem definido.



A ideia subjacente à nova carta do restaurante Largo do Paço é, diz Tiago Bonito, “criar uma viagem gastronómica de excelência, num doce equilíbrio entre a sabedoria popular e a experiência da alta cozinha”. Cada prato conta uma história pessoal, que podia muito bem ser a história de cada um de nós, onde se encontram em harmonia as memórias e os sabores de infância, os locais por onde se passou e, acima de tudo, demonstram uma criatividade sempre em ebulição, pronunciada desde 2011, ano em que venceu o título de “Chef Cozinheiro do Ano”.



O Menu “Caminhos” (€110) de Tiago Bonito para o Largo do Paço é inspirado nas raízes e nos clássicos do chefe. Depois das habituais “Saudações do Chefe”, começa com “Caviar”, que leva Peixe da lota, Escabeche e Raiz forte, segue pelo “Jardim do Chefe”, com Tomate verde, Verduras & Brotos e Camomila e continua com o “Carabineiro”, acompanhado de Abacate, Coral e Kalamansi. O prato de peixe é uma “Pescada de Anzol”, servida com Ameijoa “Bulhão Pato”, Cogumelos selvagens e Salsa, sendo a carne o “Leitão”, com Batata, Salada crocante e Laranja. A pré-sobremesa chama-se “Maça Verde” e é servida com Pepino fumado, Leitelho e Shiso, a sobremesa é o “Morango”, com Ruibarbo, Hibisco e Lima Kaffir.



Já no menu “Identidade” (€125), Tiago Bonito pretende prestar “Homenagem, criatividade e evolução da cozinha”. Abre também com as habituais saudações do chefe e com o “Caviar”, seguindo-se depois o “Pato”, com Foie-Gras, Beterraba e Maçã, o “Lírio”, com Caviar, Dashi e Champanhe e depois com o “Pregado”, acompanhado de Gamba do Algarve, Aipo e Molho fumado. Neste menu a carne é representada pelo “Borrego”, apresentado com Ervilha, Beringela e Iogurte, servindo-se depois o “Tomate”, com Gin Tónico, Lima caviar e Manjericão. A sobremesa é o “Chocolate”, feita com Chocolate do Brasil, Flor de sal e Azeite extra virgem Quinta da Romaneira.



Cada um dos dois menus pode ser harmonizado com uma sugestão de vinhos, respetivamente a €55 ou €65, consoante o menu, e a generalidade dos pratos pode ser pedida individualmente, à carta, havendo mais uma mão cheia de propostas, como o “Peixe Galo” (€36), com Lingueirão, Milho e Vinagrete de Algas, o “Borrego” (€39), servido com Ervilha, Beringela e Iogurte ou a “Vitela Barrosã” (€36), com Alcachofra, Alho francês e Cogumelo fermentado.



Seja qual for a escolha, é garantido que no restaurante Largo do Paço (Largo do Paço, 6, Amarante. Tel. 255 410 830) se vão encontrar propostas surpreendentes, plenas de sabor e já com histórias para contar. Tiago Bonito é, garantidamente (e esta nova carta assim o comprova) um dos mais seguros e consistentes chefes nacionais, cujo futuro ainda tem muito para contar e surpreender.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!