Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Mesa

As novas pizzas do Il Mercato são de cereais portugueses resgatados da extinção

  • 333

O conhecido chefe nepalês Tanka Sapkota, que deu a Lisboa restaurantes como o Come Prima, Il Mercato e Forno d’ Oro sempre foi adepto da utilização de produtos únicos na preparação dos seus pratos, como a trufa branca de Alba ou as mozarelas de Búfala. E regularmente surpreende com a utilização de novos ingredientes, sempre que possível, ou de Itália ou produzidos em Portugal em pequena escala. Desta vez são as pizzas biológicas feitas a partir de cereais portugueses resgatados da extinção e produtos de denominação DOP que se podem encontrar na carta do restaurante Il Mercato.

Agora, Tanka Sapkota conseguiu realizar outro dos seus grandes desígnios: trabalhar com farinha portuguesa, feita a partir de cereais nacionais praticamente desaparecidos no país, desenvolvendo assim a sustentabilidade e o incentivando a utilização de produtos locais. Quando conheceu Adolfo Henriques, o proprietário da Granja dos Moínhos, na aldeia da Maçussa, conseguiu concretizar essa desígnio e a partir de agora, integra na ementa do Il Mercato uma série de propostas com trigo barbela e trigo “preta-amarela”.



Mas não se fica por aqui Tanka Sapkota no restaurante Il Mercato. As pizzas biológicas feitas a partir de massa-mãe preparadas com cereais portugueses resgatados da extinção e produtos de denominação DOP são produzidas com a ajuda duma máquina especial de amassar, pioneira em Portugal, chamada “Impastatrici a bracci tuffanti”. Com claras vantagens quer na preparação, quer para o consumidor, uma vez que, no caso do também utilizado trigo espelta (uma variedade Etrusca nunca antes cultivada em Portugal), tem elevados benefícios para a saúde, como o baixo teor de glúten.

Além das pizzas biológicas e com produtos DOP, o restaurante Il Mercato tem na massa fresca uma das suas marcas de eleição. Todos os dias, ao almoço e ao jantar, a massa fresca é feita na casa com ovos biológicos, bem como os molhos. São vinte os tipos de massa fresca à escolha, preparadas à frente dos clientes, neste restaurante inspirado num mercado italiano, onde pode ainda encontrar produtos de alta qualidade e raros no mercado, de charcutaria a queijos italianos, como o Parmesão Reggiano de Vaca Rossa, o Parmesão Reggiano da montanha, ou a mozzarella de búfala artesanal, que chega três vezes por semana de avião, diretamente de Nápoles.



Entre as novidades do há as Il Mercato pizzas Quattro formaggio, com tomate San Marzano DOP, gorgonzola bolo nero DOP, taleggio DOP, mozzarella de búfala DOP e parmigiano reggiano DOP (€12,95), a Diavola, com tomate San Marzano DOP, mozzarella de búfala DOP, nduja DOP, cogumelos portobello bio e azeitonas galegas (€13,95) e ainda a Funghi porcini e Tartufo nero, com tomate San Marzano DOP, cogumelos porcini biológicos e trufa negra da época (€11,95).



Dentro das novas propostas de Tanka Sapkota para o Il Mercato há ainda a Fichi, copa stagionata e bottarga, com tomate San Marzano DOP, mozzarella búfala DOP, figos biológicos e copa stagionata e bottarga (€19,95) e a Lady Capra e Sopressa con Aglio, com mozzarella, courgettes biológicas, gorgonzola e sopressa com alho (€14,95).

O Il Mercato (Passeio do Pátio Bagatela, Rua Artilharia 1 51, Bloco B, Loja M, Lisboa. Tel. 211 930 941) encerra à segunda feira. Está, nos restantes dias, aberto para almoços e jantares das 10h00 às 15h00 e das 18h00 às 22h00.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!