Boa Cama, Boa Mesa

Siga-nos

Perfil

Perfil

Boa Cama

Caju Le Petit Hotel: o novo alojamento que está a encantar o Funchal

Henrique Seruca

Instalado num edifício de paredes centenárias, este boutique hotel de quatro estrelas é a supremacia do minimalismo estimado pela mais subtil elegância no pormenor firmado pelo design de interiores irreverente e atual de Nini Andrade Silva. Localizado na antiga rua da Carreira dos Cavalos, onde cavaleiros de outrora protagonizavam corridas atentamente observadas, à janela, pelas senhoras de então, mantém o nome pelo qual ficou conhecida a primeira mercearia gourmet da principal cidade da ilha da Madeira, a “caju”.

O novo Caju Le Petit Hotel (a partir de €84), pertencente ao grupo Divine Hotels Collection e, por conseguinte, o novo “irmão” do The Vine - situado a dois passos dali –, é privilegiado pela vista sobre o Funchal, do mar à montanha, panorâmica maior na suite, no topo do prédio. Favorecido pela traça original, tem nos varandins em ferro forjado a mostra do passado. As paredes em pedra, visíveis no interior, preservam a alma de outros tempos combinada com a arquitetura do presente. Este está marcadamente exposto através da presença do betão, das vigas de ferro e do estilo industrial, seja nos corredores, seja nos 24 quartos, dos quais um é suíte.

As cabeceiras e os sommiers em pele comprovam o requinte associado à simplicidade estabelecida nos objetos decorativos, como os candeeiros em betão e as cadeiras em metal dourado, e as demais peças de mobiliário. A predominância das cores oscila entre o branco e o cinza, com o preto nos detalhes neste pequeno grande hotel cimentado na célebre frase do arquiteto Mies van der Rohe: “less is more”. O mesmo se aplica ao Le Petit Gym, no piso -1, a pensar em quem não prescinde do exercício diário.

Desçamos ao rés-do-chão. A receção do Caju Le Petit Hotel, aberta das 08h00 às 00h00, é partilhada com o restaurante desta unidade hoteleira, o Prima Caju. À frente deste espaço informal e familiar estão três primas (quase) por afinidade: Kátia Carvalho, Sara Pestana e Cátia Henriques. Para combinar com a decoração orgânica, predominada pela madeira e complementada pelos vasos de plantas suspensos, este trio de estreantes na área da restauração decidiu implementar a cozinha saudável, com pratos tradicionais adaptados. No fundo, o que se pretende é “desmistificar que a comida saudável tem sabor”, afirma Kátia Carvalho.

O pequeno-almoço, disponível entre as 07h30 e as 11h30, é servido à carta, designada de Le Petit Menu, elaborada exclusivamente para os hóspedes. Sugestões não faltam entre as 07h30 e as 19h00 também para quem entra no Prima Caju que, durante a tarde, ou seja, das 11h00 às 19h00, apresente um leque maior de opções. E até há um menu especial para as crianças. Depois há a sopa, o prato – a alternar entre carne e peixe –, a sobremesa e o bolo do dia, além do Caju Brunch disponível aos fins de semana e, claro, o serviço de quartos.

O Caju Le Petit Hotel (Rua da Carreira, 112, Funchal, ilha da Madeira. Tel. 291009400), vizinho do famoso Museu Photografia Vicentes, pertence ao grupo Divine Hotels Collection do qual faz parte o hotel The Vine, que dista cerca de cinco minutos a pé e onde pode desfrutar o The Spa. O hotel , com a classificação de quatro estrelas, foi inuagurado no passado dia 20 de dezembro de 2019.

O Boa Cama Boa Mesa viajou para a Madeira com o apoio da TAP Air Portugal.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e no Twitter!